domingo, 15 de dezembro de 2013

Apenas 54% dos jovens de 15 a 17 anos frequentam o ensino médio

O Estado de S. Paulo / Luciana Nunes Leal
29 de novembro de 2013 | 10h 13

Na faixa etária de 4 a 5 anos, 22% das crianças ainda precisam ser levadas à escola para universalização da educação

RIO - O Brasil terá de melhorar o desempenho para atingir a meta do Plano Nacional de Educação no ensino médio. Apenas 54% dos jovens de 15 a 17 anos estão matriculados na última etapa da educação básica, e o objetivo é chegar a 85% até 2020. A redução da proporção de jovens que não estudam também é lenta: entre 2002 e 2012, caiu de 18,5% para 15,8%. Os dados fazem parte da Síntese de Indicadores Sociais, divulgada pelo IBGE nesta sexta-feira, 29 .

A proporção de crianças de 4 e 5 anos que estudam também está longe do considerado ideal pelo governo. Ela subiu que 56,7% para 78,2% em dez anos (entre 2002 e 2012), mas a meta é universalizar a educação nesta faixa etária até 2016. Ainda há quase 22% de crianças para serem levadas à escola.

Na faixa de até três anos de idade, 21,2% das crianças estão nas creches e escolas. O Brasil tem que chegar a 50% até 2020.

Os dados mostram que também será necessário melhorar as condições das escolas públicas. Os indicadores sociais apontam que menos da metade (47,2%) dos alunos matriculados na pré-escola, na rede pública, frequentam estabelecimentos com parque infantil, proporção que sobe para 85,5% na rede particular.
http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,apenas-54-dos-jovens-de-15-a-17-anos-frequentam-o-ensino-medio,1102194,0.htm

Nenhum comentário: